2016

2016

terça-feira, 13 de março de 2018

O que é um Granfondo?


Existem vários significados para GranFondo, provavelmente grande distância ou grande endurance sejam a definição mais correta. Alguns ciclistas participam simplesmente pelo orgulho de chegarem ao final, outros pretendem melhorar os seus registos desafiando-se a si próprios ou desafiando os seus amigos ou colegas de equipa. Resumindo, GranFondo é uma maratona de cicloturismo onde todos podem participar independentemente da idade e habilidade. É perfeitamente possível ver ex-profissionais de ciclismo e corredores de elite lado a lado com o entusiasta anónimo de 70 anos que irá participar com a sua bicicleta "vintage". Um GranFondo não é uma corrida mas sim um evento de massas que dá a oportunidade de todos desfrutarem de uma prova com condições idênticas às provas oficiais de ciclismo, ou seja é ciclismo para todos.
O primeiro GranFondo foi o Nove Colli realizado em 12 de julho de 1970, em Cesenatico, na Itália, a partir de 1999  o  número de eventos do GranFondo cresceu rapidamente na Itália. Enquanto muitos Gran Fondos foram e vieram, alguns permaneceram desde os primeiros anos, como o GranFondo Cooperatori , o GranFondo 10 Colli  e o GranFondo Felice Gimondi .
Eventos similares foram realizados em outros países, principalmente a França, onde eles são chamados de " Cicloportivo ".
Hoje, os eventos do GranFondo são realizados em muitos países, temos o exemplo do “La Quebrantahuesos”, nos Pirenéus, um dos clássicos aqui na vizinha Espanha. No entanto, nem todos eles seguem o verdadeiro modelo italiano GranFondo de uma maratona de ciclismo.
Com a UCI a fazer o lançamento em 2011 da UCI GranFondo World Series, com mais de 21 eventos, e do Campeonato Mundial UCI GranFondo, em detrimento do Campeonato Mundial UWCT Final e UCI Masters Road,, onde os campeões são premiados com a cobiçada camisola Arco Íris, deu-se uma proliferação destes eventos em todo o mundo.
A UCI pretende, ao promover a concorrência de alto nível quer para ciclistas de competição quer para amadores, a globalização do "Ciclismo para Todos". Com isso em mente, a distribuição geográfica dos eventos tem sido muito importante, juntamente com critérios organizacionais e desportivos rigorosos e um certo interesse turístico.
Em Portugal um GranFondo é um evento de Cicloturismo/Ciclismo para Todos, enquadrado naquilo que a Federação Portuguesa de Ciclismo define como prova aberta, respeitando a regulamentação respetiva bem como as regras do código de estrada. Não se trata de uma competição mas sim de um evento com fins de ócio, turístico ou culturais características que, de resto, definem esta variante do ciclismo. A participação é limitada a veículos de duas  rodas (bicicleta de estrada, de montanha ou tandem), não sendo veículos motorizados.
De salientar que estes eventos têm crescido muito nos últimos anos em detrimento das provas para Masters/Veteranos que têm vindo a diminuir consideravelmente. Atenção que este tipo de evento não tem a aprovação da ANAC para que possa ter comissários.

Sem comentários:

Publicar um comentário